Arquivo da categoria ‘Obesidade’

Você está em forma?

02/05/18

Não é muito fácil dizer se uma pessoa está em boa ou má forma física só de olhar. É necessário examiná-la. Mesmo assim, há uma boa margem de erro.
Dois dos critérios mais utilizados em Medicina são o Índice de Massa Corpórea (IMC) e a circunferência abdominal. Outros critérios são resistência no teste de esforço (bicicleta ou esteira) e exames de sangue.
O IMC é calculado (não serve para crianças) por meio de uma fórmula simples: o peso (ou, mais corretamente, a massa) dividido pelo quadrado da altura. Exemplo: um indivíduo pesa 80kg e tem 1,80m de altura. O peso (80) dividido pelo quadrado da altura (3,24) dá um IMC de 24,69kg/m2, que é considerado normal (normal: entre 20 e 25). Acima de 25 é sobrepeso, acima de 30 é obesidade e acima de 35 é obesidade mórbida. Esse índice é muito utilizado e serve para triar as pessoas fora de forma. Todavia, em pessoas de grande massa muscular, atletas, como jogadores de rúgbi ou de futebol americano, ou boxeadores, o IMC falha em definir sua forma física. São pessoas em grande forma atlética, porém com IMC acima de 25. Mas, de modo geral, o IMC é útil e pode ser aplicado à maioria dos indivíduos.
A circunferência abdominal define não só a forma física, boa ou má, mas também é um indicador de risco para acidentes vasculares, como infarto do miocárdio e acidente vascular cerebral. A medida é feita com uma fita métrica, com o abdome relaxado, entre a última costela e a crista ilíaca, ou a parte mais alta da bacia na linha da ponta da costela. Se essa medida for igual ou superior a 94cm em homens ou igual ou superior a 80cm em mulheres, isso é anormal e indica acúmulo de gordura intra-abdominal.
De maneira simples e sem custo, qualquer pessoa pode avaliar se está em boa forma ou não. Tanto o IMC como a circunferência abdominal podem ajudar a monitorar a saúde.
Visite www.momentosaude.com.br
Visite www.minhashistorinhas.art.br